Gerson Mourão, fundador das rádios Imperial e Itamaraty FM, morre aos 90 anos


O ex-deputado Gerson Antonio de Araújo Mourão morreu aos 90 anos no início da noite dessa quinta-feira (08/08) em Teresina. O corpo é velado na funerária Lotus, na avenida Miguel Rosa, e será sepultado no cemitério São José, no período da tarde. Com informações do Piripiri 40graus.

Gerson Antonio de Araújo Mourão, nasceu em Pedro II em 02 de março de 1929, filho do Coronel Domingos Mourão Filho e de Dona Rosa Edith Araujo Mourão. Casado com a Senhora Edna Carvalho Mourão com quem teve quatro filhos; os advogados Gerson Mourão Filho e Germana Mourão Marcieira e os médicos Adriana Mourão da Costa e Silva e Domingos Mourão. Formado em medicina pela Universidade Federal da Bahia em 1955, foi um dos primeiros obstetras do Piauí. Ele era médico do estado aprovado em concurso publico, foi diretor da Maternidade Dona Evangelina Rosa e professor da Universidade Federal do Piauí. Gerson é membro da Academia de Medicina do Estado do Piauí, da Academia de Letras de Sete Cidades.
Ele foi vereador de Pedro II, Deputado Estadual do Piauí Constituinte de 1989, quando aprovou inúmeros projetos de lei como a criação dos municípios; Lagoa de São Francisco, Milton Brandão, Assunção do Piauí e Cajueiro da Praia. Foi autor da primeira lei constitucional sobre ecologia do Piauí. Gerson Antonio de Araújo Mourão fundou as Rádios Imperial FM e Itamaraty FM.

Além de Gerson Antonio de Araújo Mourão, participaram da fundação da A Rádio Imperial FM os irmãos Alcides Mourão e José Lourenço no dia 14 de dezembro de 1991, no centenário de nascimento de seu pai Cel. Domingos Mourão Filho, com o objetivo de mostrar a grandeza do povo de sua terra, demonstrar que Pedro II era muito maior do que sua gente imaginava


Fonte: 180 Graus







 

NOTÍCIAS